quarta, 18 outubro 2017 15:46

Mourinho gastou mais em dois anos no United do que o Benfica em dez épocas Destaque

Escrito por DN - Carlos Nogueira
Classifique este item
(0 votos)

Manchester United visita a Luz como clube mais rico do mundo. Os encarnados estão muito distantes do rival de hoje

O Benfica recebe hoje (19.45) o Manchester United, em jogo da 3.ª jornada da Champions, no qual os encarnados estão obrigados a vencer se quiserem manter a esperança no apuramento para os oitavos-de-final. Trata-se de um jogo entre dois históricos do futebol europeu - somam juntos cinco Taças/Ligas dos Campeões -, mas que estão financeiramente a léguas um do outro.

Um grande indicador das diferenças entre os dois emblemas começa no investimento feito na contratação de jogadores. E nesse contexto, em duas temporadas de José Mourinho à frente do United, foram gastos 349,4 milhões de euros em jogadores, mais do que aquilo que a SAD do Benfica presidida por Luís Filipe Vieira investiu nas últimas dez épocas (334,17 milhões de euros. Neste período, a contratação mais cara dos encarnados foi o mexicano Raúl Jiménez, que custou 22 milhões de euros, menos do que qualquer uma das aquisições de Mourinho - exceção feita a Ibrahimovic, que chegou a Old Trafford a custo zero. Para se ter uma ideia das diferenças abissais, basta constatar que Paul Pogba foi contratado por 105 milhões de euros, seguindo-se neste ranking Romelu Lukaku (84,7 milhões), Matic (44,7), Mkhitaryan (42), Eric Bailly (38) e Lindelöf (35).

A verdade é que, em cada uma das duas épocas que está à frente do Manchester United, Mourinho ultrapassou os cem milhões de euros, tendo o valor mais alto gasto pelos encarnados nas últimas dez épocas sido em 2013-14, quando foi investido qualquer coisa como 55,75 milhões de euros em reforços - mas nesta época o Benfica apenas gastou 8,85 milhões.

Fosso enorme nas receitas

As diferenças não se esgotam nos plantéis à disposição dos dois treinadores, pois em termos financeiros há também um grande fosso entre os dois clubes. Desde logo tendo em conta a faturação anual, pois no último relatório e contas do Benfica foi comunicada uma receita recorde em Portugal de 253 milhões de euros, já incluindo as verbas relativas às transferências de jogadores (exceto as de Nélson Semedo e Mitroglou). Este valor é amplamente superado pelo Manchester United, que no seu último relatório financeiro anual comunicou uma faturação de 668,4 milhões de euros, o que faz do histórico clube inglês o mais rico do mundo de acordo com o ranking publicado em janeiro pela consultora Deloitte, na qual o Benfica ocupa o 27.º lugar.

Uma das fatias mais gordas das receitas do Manchester United são os 161,2 milhões de euros arrecadados no último ano com os direitos de transmissão televisiva dos seus jogos na Premier League, um valor que é mais de quatro vezes superior ao do Benfica, que se cifra nos 38,8 milhões de euros anuais. Hoje se verá se os milhões também falam mais alto em campo...

 

Ler 161 vezes

Deixe um comentário

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

cpr certification online
cpr certification onlinecpr certification online

As Nossas Publicações

 

 

 


 

Venha Colaborar envie os 

seus artigos.

Seleccione Area de Desporto

(Score More) 


ESPAÇO DOS ADEPTOS

SS Lázio   

CDE - Clube Desportivo Estrela

 

Login

We use cookies to improve our website and your experience when using it. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. To find out more about the cookies we use and how to delete them, see our privacy policy.

  I accept cookies from this site.
EU Cookie Directive Module Information