domingo, 20 agosto 2017 15:05

OLIVEIRENSE-NACIONAL, 0-2 Destaque

Escrito por
Classifique este item
(0 votos)

O Nacional venceu este sábado na visita à Oliveirense, por 2-0, na terceira jornada da 2.ª Liga, num jogo em que a equipa da casa até foi superior, mas foi traída por ineficácia e erros defensivos.



Após uma primeira parte sem golos, e na qual as melhores oportunidades pertenceram à Oliveirense, Julio César inaugurou o marcador aos 63 minutos e Murilo sentenciou a partida aos 77.

 
A equipa de Oliveira de Azeméis até entrou melhor no desafio, criando, logo aos cinco minutos, uma soberana oportunidade para marcar.

Ricardo Tavares cruzou rasteiro na esquerda para a área, onde surgiu Serginho a rematar de primeira, com a bola a passar junto ao poste esquerdo da baliza defendida por Daniel.

Aos 31 minutos, nova oportunidade para a Oliveirense, com João Amorim a receber a bola à entrada da pequena área, após cruzamento de Serginho, e a rematar forte, mas por cima da baliza da formação insular.

Aos poucos, o Nacional foi subindo de rendimento e aos 42 minutos teve também uma grande oportunidade para inaugurar o marcador, com Camacho a rematar forte já dentro da área para grande defesa de Júlio Coelho.

Ainda antes do intervalo, na sequência de um pontapé de canto, João Amorim voltou a assustar a equipa forasteira, num remate cruzado que levou a bola a passar ligeiramente ao lado da baliza de Daniel.

O descanso acabou por fazer bem aos insulares, que surgiram para a segunda parte transfigurados na atitude ofensiva, e, 13 minutos após o reatamento, conseguiram colocar-se em vantagem. Após a marcação de um canto, Júlio César surgiu na pequena área, sem marcação, e rematou rasteiro para o fundo da baliza.

Aos 77 minutos, o Nacional aumentou a vantagem, aproveitando mais um erro da defesa adversária. A bola sobrou para Murilo que rematou em arco para o 2-0, sem hipóteses de defesa para Júlio Coelho.

Jogo no Estádio Municipal de Aveiro.

Oliveirense - Nacional, 0-2.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

0-1, Júlio César, 63 minutos.

0-2, Murilo, 77.

Equipas:

Oliveirense: Júlio Coelho, Ricardo Tavares, Mathaus, Sérgio Silva, Alemão, António Oliveira, Filipe Gonçalves, João Amorim (Clayton, 80), Diogo Valente (Fabian, 65), Rafa (Brayan Riascos, 57) e Serginho.

(Suplentes: Kadú, Clayton, Brayan Riascos, João Mendes, Fabian, Manuel Godinho e Raúl Martins).

Treinador: Pedro Ferreira.

Nacional: Daniel, Mauro, Júlio César, Diogo, Nuno Campos, Christian, Kaká (Valkenedy, 89), Jota, Camacho, Ricardo (Vanilson, 71) e Murilo (Witi, 83).

(Suplentes: Framelin, D. Silva, Witi, Vanilson, Valkenedy, Elizio e Vitor G.).

Treinador: Francisco Costa.

Árbitro: Bruno Rebocho (Associação de Futebol de Lisboa).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Alemão (13), António Oliveira (16), Mauro (23), Mutilo (27), Júlio César (50) e Nuno Campos (81).

Assistência: cerca de 200 espectadores.

 

Autor: Lusa

Ler 194 vezes Modificado em domingo, 20 agosto 2017 15:17

Deixe um comentário

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

cpr certification online
cpr certification onlinecpr certification online

Login

We use cookies to improve our website and your experience when using it. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. To find out more about the cookies we use and how to delete them, see our privacy policy.

  I accept cookies from this site.
EU Cookie Directive Module Information